Serviço Florestal lança resultados do Inventário Florestal Nacional no município de Caçador (SC)

Serviço Florestal lança resultados do Inventário Florestal Nacional no município de Caçador (SC)

  • Publicado: Quinta, 27 de Junho de 2019, 15h35
  • Última atualização em Quinta, 27 de Junho de 2019, 15h47

O município possui 72% de cobertura florestal e foi o primeiro ter inventário florestal em escala municipal

2019 06 27 Lançamento IFN CacadorO diretor-geral do Serviço Florestal Brasileiro, Valdir Colatto, lançou, nesta segunda-feira (24/06), o relatório do Inventário Florestal Nacional (IFN) do município de Caçador, Santa Catarina. Este é o primeiro levantamento do inventário feito em escala municipal. O lançamento foi feito em cerimônia no auditório do CREA em Caçador e contou com as presenças dos pesquisadores da Embrapa Florestas, Yeda de Oliveira e André Biscaia de Lacerda, de Gustavo Chianca, representando a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) no Brasil, além de outras autoridades.

O diretor-geral do Serviço Florestal Brasileiro fez uma explanação sobre o órgão, agora vinculado ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e suas funções e perspectivas para o futuro, em especial no que tange a florestas plantadas – que têm forte presença no município de Caçador.

Inventário

O Inventário Florestal Nacional é um dos principais levantamentos realizados pelo governo federal – por meio do Serviço Florestal Brasileiro – para gerar informações sobre os recursos florestais brasileiros, e já está concluído em 18 unidades da federação, além do município de Caçador e da Terra Indígena Mangueirinha-PR.

Além da análise da cobertura florestal – que, no caso do município, equivale a 72% do território – o IFN Caçador gerou informações sobre aspectos biofísicos das florestas e socioambientais do município, que abriga grandes áreas de florestas naturais e plantadas. No total, foram medidos 8.238 indivíduos entre árvores e palmeiras e coletadas 1.274 amostras botânicas de espécies arbóreas, arbustivas, herbáceas e palmeiras.

A apresentação dos resultados do IFN-Caçador ficou a cargo do diretor de Pesquisa e Informação do Serviço Florestal Brasileiro, Joberto de Freitas.

O representante da FAO no evento, Gustavo Chianca, destacou a importância do Inventário – como base de políticas públicas – e da parceria estabelecida entre o  Serviço Florestal Brasileiro e Embrapa Florestas, em conjunto com a própria FAO e com o Herbário Dr. Roberto Miguel Klein, da Universidade Regional de Blumenau (FURB).

2019 06 27 Colatto CaçadorA pesquisadora da Embrapa, Yeda de Oliveira reafirmou a importância da parceria. Para a Embrapa, os dados levantados pelo Inventário Florestal reforçam a importância do Bosque Modelo Caçador (BMC), que tem sua área núcleo na Estação Experimental da Embrapa Florestas, com uma reserva florestal de mais de mil hectares. Desde o ano de 2002, a equipe do Laboratório de Monitoramento Ambiental desenvolve no local pesquisas ligadas à área de silvicultura e manejo para a conservação e uso sustentável da floresta com araucária.

Bosques Modelo

Os Bosques Modelo buscam o desenvolvimento sustentável de um território onde a floresta desempenha um papel importante. Por isso, contribuem para redução de pobreza, valorização dos produtos não madeiráveis e busca de alternativas de renda para toda a população, aliados à conservação dos recursos naturais.

Acesse aqui os principais resultados do Relatório do Inventário Florestal Nacional - Município de Caçador.   

Categoria:

 Contato para a Imprensa

Serviço Florestal Brasileiro
Assessoria de Comunicação
(61) 2028-7130/ 7155
imprensa@florestal.gov.br

Siga-nos no Twitter: sfb_florestal
Facebook: florestal.gov
Youtube: SFBflorestal