Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Planos de Manejo das concessões florestais são incluídos no Sinaflor

  • Última atualização em Terça, 15 de Maio de 2018, 10h38

O Sistema gerido pelo Ibama integra de bases de dados ambientais para otimizar a gestão florestal

Com Informações: Ibama

2018 05 14 SinaflorO Ibama emitiu pelo Sistema Nacional de Controle da Origem dos Produtos Florestais (Sinaflor) as quatro primeiras autorizações para Planos de Manejo Florestal Sustentável (PMFS) de áreas sob regime de concessão florestal nas Florestas Nacionais (Flonas) do Jamari e de Jacundá, em Rondônia.

O Sinaflor é um sistema eletrônico de gestão dos recursos florestais que integra dados de todos os estados e informações do Sistema de Cadastro Ambiental Rural, do Ato Declaratório Ambiental e do Documento de Origem Florestal, além de autorizações de exploração emitidas pelos órgãos competentes.

O cruzamento das informações proporciona análises mais eficientes e torna a emissão de autorizações e a realização de transações florestais mais transparentes, dificultando fraudes. Empreendimentos de base florestal e atividades sujeitas ao controle dos órgãos do Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama) podem ser cadastrados pela internet.

Transparência

“O Sinaflor é um marco para o controle do desmatamento e a transparência nas atividades florestais”, disse o coordenador-geral de Monitoramento do Uso da Biodiversidade e Comércio Exterior do Ibama, André Sócrates.

O diretor de Concessão Florestal e Monitoramento do Serviço Florestal, Marcus Vinicius Alves, também enfatizou a contribuição do Sinaflor na redução da ilegalidade associada a produção e ao comércio de madeiras.   “Nossa expectativa é de que a implantação do Sinaflor amplie significativamente o grau de transparência e controle social da produção florestal, a exemplo do que já acontece nas concessões florestais federais”, afirmou.

Próximos passos

O cadastramento dos planos de manejo florestal das áreas sob concessão nas Flonas de Altamira, de Caxiuanã, do Crepori e de Saracá-Taquera também estão sendo concluídas pelo Ibama. O uso do Sinaflor passou a ser obrigatório em maio. Os estados que não concluírem a adesão ou interligação ao sistema terão a cadeia produtiva da madeira legal paralisada.    

registrado em:
Fim do conteúdo da página