Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Levantamento analisa os recursos florestais do sertão pernambucano

  • Última atualização em Quinta, 11 de Maio de 2017, 12h05

Demarcação da área para a coleta de dadosO Inventário Florestal Nacional, que está sendo realizado em todo o estado de Pernambuco, chega agora ao sertão

A partir desta semana, o trabalho de campo do Inventário Florestal Nacional em Pernambuco (IFN-PE) concentra-se em coletar informações sobre as riquezas da Caatinga, no sertão pernambucano. As equipes responsáveis pela coleta de dados já chegaram aos municípios de Afogados da Ingazeira, Floresta e Ibimirim. Dessas localidades, eles irão a outras cidades próximas.

No sertão, serão coletadas informações em cerca de 150 pontos do total de 249 previstos em todo o estado. Coordenado pelo Serviço Florestal Brasileiro (SFB), o trabalho inclui a coleta de material botânico, amostras de solo e dados biofísicos das árvores, para avaliar as condições das florestas, e entrevistas com moradores das proximidades das localidades pesquisadas, para saber o uso que fazem dos recursos florestais, entre outros aspectos socioambientais.

Iniciado há quase dois meses, ja foram feitos levantamentos na região de Mata Atlântica, a chamada Zona da Mata, e no agreste. Até o momento, 40% do total das áreas amostrais previstas já foram inventariadas, com mais de 1,9 mil exemplares botânicos e quase 370 amostras de solo coletadas, além de aproximadamente 400 entrevistas realizadas com moradores vizinhos às regiões pesquisadas.

As amostras de plantas estão sendo enviadas para o Herbário IPA - Dárdano de Andrade-Lima, no Recife, que fará a identificação botânica. Nesta segunda-feira (8), boa parte do material coletado até agora foi entregue no herbário.

Diário de campo

Estradas esburacadas ou mesmo falta de estradas, com direito a para-choque do carro quebrado. As equipes têm enfrentado diversas situações para garantir a ampla coleta de dados que vai revelar a condição das áreas de floresta em Pernambuco.

Mas eles também têm encontrado moradores hospitaleiros, que oferecem frutas, lanches e uma boa conversa, lindas paisagens e a oportunidade de conhecer de perto os recursos florestais do estado. O dia a dia no campo pode ser acompanhado na página do Serviço Florestal no Facebook, no álbum de fotos Diário de Campo – IFN Pernambuco.

Sobre o IFN

O Inventário Florestal Nacional é uma iniciativa de abrangência nacional, coordenada pelo Serviço Florestal Brasileiro (SFB), órgão vinculado ao Ministério do Meio Ambiente.

Em Pernambuco, o levantamento é realizado com recursos do Projeto GEF (Global Environmental Facility) de Apoio ao IFN, administrados pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), e com apoio do governo do estado de Pernambuco por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas).

Fim do conteúdo da página